×

O que é Inteligência territorial? E qual a sua importância?

Publicado em 27 de setembro de 2022

Texto retirado do site Blog da Engenharia

A inteligência territorial pode ser compreendida como um conjunto de ferramentas e métodos aplicados para a compreensão de um território em sua totalidade.

Através da integração de informações provenientes de diferentes bancos de dados. Com isso as informações integradas servirão para apoiar a tomada de decisão, assim permitindo o planejamento e a gestão de ações para o desenvolvimento amplo do território.

Mas aí você pode se perguntar o que de fato é “Território”

Silva 2001 vem com a seguinte definição “Território consiste no limite espacial dentro do qual o Estado exerce de modo efetivo e exclusivo o poder de império sobre pessoas e bens”.

Mas também se pode definir território como “porção do espaço geográfico onde são projetadas relações de poder, que geram uma apropriação e um controle sobre este espaço, independentemente se ele é ou não territorializado por um ou mais agentes” (Magdaleno, 2005).

Como a Inteligência territorial é aplicada?

São diversas as aplicações da inteligência territorial, mas todas sempre vem acompanhadas do uso de Sensores remotos como satélites e drones, Sistema Global de Navegação por Satélite (GNSS) e o Sistema de Informação Geográfica -SIG, usado no gerenciamento das informações coletadas, elaboração de mapas e análises compondo um conjunto de tecnologias mais utilizadas nesta área.

Monitoramento por Satélite

Recortes de imagens do satélite GeoEye, produzidas pela Embrapa Monitoramento por Satélite, para uso em projetos de pesquisa.

De fato a perspectiva integradora da inteligência territorial vislumbra o processo de desenvolvimento em suas múltiplas dimensões: natural, agrária, agrícola, rural, socioeconômica etc.

Tendo em vista, Categorias de produtores e cadeias produtivas são consideradas em suas complementariedades e relações orgânicas. Com isso paradoxalmente, nessas relações residem muitos dos itinerários do desenvolvimento sustentável.

Sistema de Informação Geográfica -SIG (elaboração de mapas e análises)

Embrapa

Contudo não se trata de empilhar dados em sistemas de informação geográfica, como em certas iniciativas. Afinal a questão analítica é fundamental para nos quadros estudados e em suas interações identificar processos e atores determinantes, em bases territoriais.

Portanto a inteligência territorial estratégica é uma abordagem que busca superar essas limitações. É claro que trata-se de um novo campo de atuação, para tanto, é necessário que os diversos fatores e processos ligados à intervenção em questão.

Que sejam suficientemente bem representados em modelos de análise territorial e com o grau de detalhamento espacial adequado. Com isso, o modo que as respostas geradas estejam conectadas com a realidade, para superação dos pontos fracos e melhor aproveitamento dos pontos fortes de cada território.

Desta forma, com a compilação dessas ferramentas para o planejamento do uso do solo as geotecnologias promovem uma compreensão integrada da dinâmica territorial.

Texto retirado do site Blog da Engenharia

Deixe seu comentário

Deixe aqui seu e-mail para receber as novidades