×

O Papel da Inovação nas Engenharias

O estado do Paraná incentiva o desenvolvimento de novas tecnologias e é um dos maiores hubs do país

“A Engenharia é uma das grandes temáticas dos projetos contratados, chegando às fases de contratação e execução, movimentando toda a rede de atores de inovação, gerando emprego e renda para o Estado do Paraná.”

Segundo dados da Associação Brasileira de Startups, o Paraná possui 23 startups voltadas aos segmentos de TI e Telecom, e Construção Civil. Com esse número, o Paraná é o 6º estado no Brasil em startups nestes segmentos. Segundo pesquisa do Sistema Confea/ Crea, nos últimos dez anos o número de engenheiros aumentou 35% no Paraná. Como o movimento de crescimento de startups está sempre atrelado a demandas do próprio mercado, este pode ser um fator que impulsionou o aumento, assim como o número de profissionais.

Startups nascem para solucionar um problema real, do mundo real. Portanto, onde tiver oportunidades e demandas por soluções inovadoras, lá estarão startups desenvolvendo seus negócios.

Para Luiz Márcio Spinosa, diretor Científico, Tecnológico e de Inovação da Fundação Araucária, a grande área das Engenharias congrega uma infinidade de ramificações, mas dentre os projetos submetidos ao crivo da Fundação para o recebimento de subvenção econômica para o desenvolvimento em inovação, destacam-se os temas: automação; big data; Eletroeletrônica, Geoengenharia; manufatura avançada e robótica; Mecânica, Mecatrônica e Nanotecnologia.

O diretor afirma que é notório o impacto e importância das Engenharias nos projetos de inovação submetidos aos editais da Fundação Araucária. “A Engenharia é uma das grandes temáticas dos projetos contratados, chegando às fases de contratação e execução, movimentando toda a rede de atores de inovação, gerando emprego e renda para o Estado do Paraná”, conclui.

Deixe seu comentário

Deixe seu e-mail